Oposição democrática expressa descontentamento com a postura de Biden em relação ao conflito em Gaza.

O presidente dos Estados Unidos Joe Biden tem sido bem-sucedido nas primárias democratas até o momento, mas há uma tendência de votos de protesto surgindo em alguns Estados, principalmente em relação à política do país sobre o conflito na Faixa de Gaza.

Na Superterça, 18,9% dos eleitores democratas em Minnesota optaram por votar como “não comprometidos” na primária estadual, repetindo um cenário ocorrido em Michigan, onde 13,2% dos eleitores fizeram o mesmo.

Esses Estados possuem uma considerável população árabe-americana, um grupo demográfico que vem se mostrando cada vez mais crítico em relação ao governo de Biden. Eles levantam questionamentos sobre a continuidade do apoio financeiro a Israel e pressionam por uma atuação mais incisiva do governo para alcançar um cessar-fogo no conflito.

Votos de protesto também foram registrados em outros Estados, como Tennessee, onde 7,9% dos eleitores escolheram votar como “não comprometidos”, e em Colorado, onde 8,1% dos democratas adotaram a mesma abordagem.

Embora seja improvável que esses eleitores venham a apoiar Trump nas eleições gerais, existe a preocupação de que possam optar por um terceiro candidato independente, o que poderia representar um desafio para Biden em Estados decisivos, como Michigan e Minnesota.

Fique atualizado com as notícias mais relevantes do dia seguindo o nosso canal!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *