O responsável pela elaboração da LOA impulsiona o financiamento eleitoral e reduz os recursos destinados ao programa Minha Casa, Minha Vida e ao PAC.

Por Caetano Tonet e Raphael Di Cunto, Valor — Brasília
20/12/2023 10h09 Atualizado há 23 horas
O relator da Lei Orçamentária Anual (LOA), deputado Luiz Carlos Motta (PL-SP), reduziu o montante destinado a programas como o Minha Casa, Minha Vida e o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em cerca de 33%. Essa redução consta no parecer apresentado na quarta-feira (20) à Comissão Mista de Orçamento (CMO).
O Bolsa Família foi mantido com o orçamento de R$ 168 bilhões. Por outro lado, Motta garantiu R$ 4,9 bilhões para o financiamento de campanha.
O orçamento do Minha Casa, Minha Vida caiu de R$ 13 bilhões para R$ 8,9 bilhões. No caso do PAC, os R$ 61,3 bilhões foram reduzidos para R$ 44,3 bilhões.
Siga nosso canal e receba as notícias mais importantes do dia!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *