Milei apresentará ao Parlamento um conjunto abrangente de propostas de reforma na Argentina.

Por Valor — São Paulo

22/12/2023 16h31 Atualizado há um dia

O presidente da Argentina, Javier Milei, planeja enviar todas as suas propostas que precisam de aprovação do Congresso em um único pacote, em vez de enviá-las em pacotes separados, de acordo com o “Infobae”. Essa estratégia tem como objetivo evitar que a oposição vote nas propostas individualmente, o que aumentaria a chance de rejeição, segundo membros do governo.

O governo está considerando convocar sessões extras do Congresso ainda nesta sexta-feira (22), mas só deve enviar o pacote de propostas na próxima semana. As medidas que serão enviadas ao legislativo se somam às anunciadas pelo ministro da Economia, Luis Caputo, e ao decreto anunciado por Milei na quarta-feira (20), que prevê mudanças em mais de 30 setores da economia e do governo argentino.

O governo está tratando o pacote de medidas ao Congresso como um “ônibus”, em vez de uma “kombi”, devido ao seu tamanho e alcance.

Os aliados de Milei ainda não têm total confiança no apoio dos parlamentares da Pro – partido de Mauricio Macri – para aprovar a matéria. Eles não descartam a possibilidade de outro decreto, semelhante ao anunciado por Milei esta semana, caso as medidas enviadas ao Parlamento não sejam aprovadas.

As propostas de Milei incluem uma reestruturação política e uma reforma que visa diminuir a influência do Estado, conforme o “Infobae”.

Siga nosso canal e receba as notícias mais importantes do dia!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *